:
:
:

E GUARDE ESTE CÓDIGO DURANTE 30 DIAS

A VALIDADE TERMINA EM:

:
:
:
Ver Detalhes

E GUARDE ESTE CÓDIGO DURANTE 30 DIAS

A nossa história

É da junção das primeiras sílabas dos nomes do fundador da empresa que nasce esta marca portuguesa de sucesso.
Em 1939, Américo Barbosa fundou no Porto a AMBAR, uma empresa dedicada à encadernação. Negócio cuja atividade evoluiu para produtos para escritório, como pastas de arquivo, arquivadores, cadernos e bolsas, ou material escolar, incluindo mochilas e estojos, bem como para material de utilização pessoal, desde organizers, agendas e papel de fantasia para embrulho.
Após um incêndio devastador que destruiu por completo a fábrica em plena laboração, contando na altura com mais de mil trabalhadores, em 1976 a AMBAR reorganiza-se, moderniza as suas instalações e cria uma evoluída estrutura informatizada. Os novos equipamentos e espaços deram um novo fôlego à empresa e, já na década de 80, assiste-se a um acentuado crescimento e à descoberta dos mercados externos.
Em 1986 é criada a AMBAR Espanha e começa a alargar-se continuamente o leque de países para onde a marca exporta, hoje mais de 25. Isabel Barbosa, filha do fundador, assume o negócio da família após a morte de Américo Barbosa, em 1996, e é a partir desta altura que a AMBAR assume a renovação como palavra-chave. Com o virar do século a marca procurou reposicionar-se num plano mais próximo do consumidor, tornar-se mais atual, apostando no design como elemento diferenciador.
Em 2004, muda de designação para AMBAR – Ideias no Papel, S.A. e lança uma estratégia baseada em Investigação e Desenvolvimento. Paralelamente, assumem-se como primordiais os investimentos em Marketing e Comunicação, assim como a consolidação e crescimento do mercado de exportação. Este último através da adaptação dos produtos aos consumidores estrangeiros, com design apelativo e elevada qualidade.
Na zona Industrial de Ramalde onde, ainda hoje, possui a sua sede e unidade de produção, a empresa continua a alargar horizontes. Dá-se continuidade ao projeto explorando novas linhas de design para os produtos, procuram-se novos mercados e novas ideias no papel!